Nosso jogo rápido: Separamos aqui as explicações e dicas mais importantes sobre SEO para WordPress, que você deve ter conhecimento.

Mas o que é o Wordress?

WordPress é uma plataforma realmente gratuita, que funciona a partir da instalação de um tema (template para o site) e muitas das funcionalidades web podem ser conquistadas através da instalação de um plugin.

WordPress é bom para SEO?

Sem devaneios, sim! WordPress se tornou uma das plataformas mais robustas em SEO. A cada nova versão, trazem atualizadas melhorias atendendo grande parte das boas diretrizes Google. Isto faz com que a maioria dos websites sejam mais facilmente indexáveis e tenham bom desempenho mesmo sem um SEO robusto. E quando com SEO completo, apresenta excelente desempenho nas buscas. Tornam-se portais muito competitivos nas buscas.

Agora que resolvida esta introdução, vamos já para lista das 5 dicas que você deve saber sobre SEO para WordPress. Das mais importantes:

 

1. Links permanentes

Links permanentes é a configuração que cuida da estrutura das URLs de um site WordPress.

Como chegar:

No Admin WordPress > Vá em Configurações > Links Permanentes.

 

links permanentes do wordpress
Uma premissa vital do bom SEO é deter urls amigáveis. Nesta área portanto (imagem acima), as opções mais recomendadas são as “nome do post” e “personalizada”. Que são respectivamente, quando a url é composta pelo nome do post (ou da página) e, quando a estrutura da url pode ser personalizada conforme sua necessidade – incluindo o nome da categoria e subcategoria por exemplo, a formar esta url. Que dependerá da sua arquitetura de informação ou estratégia SEO. 😉

2. O plugin SEO Yoast

É o plugin mais famoso de todo o mundo para sites WordPress e configuráveis SEO. Se fosse uma modelo, seria mais famosa que Gisele Bündchen. Possui uma versão gratuita limitada de funcionalidades e a versão premium mais completa.

Na realidade do site, através do plugin SEO Yoast – versão gratuita, é possível editar facilmente o título e meta descrição das páginas. E, ao ativá-lo, o sitemap é instalado no site automaticamente (embora ideal fosse ter acesso aos parâmetros do SEO, para configurá-los corretamente. Mas esse papo é para outro post voltado ao nível avançado). Para sites iniciantes, este por si só já são benéficos.

capa plugin seo yoast

Para baixar este plugin basta acessar: https://br.wordpress.org/plugins/wordpress-seo/ 

 

3. Fique atento ao tempo de carregamento do site

Já conversamos aqui que o tempo de carregamento do site é crucial para o ranking Google. Utilize-se do Google Analytics (Vá em Comportamento > Velocidade do site) e de ferramentas como GTmetrix para gerir se o desempenhos está adequado. Sites WordPress tendem a carregar bem a não ser que você suba imagens muito pesadas a compor as páginas. Sites de porte mediano, carregam em média abaixo de 8 segundos e pesam até 2 mega bytes. Isto pode variar muito de um site para outro, mas, é importante que perceba se a relação do peso do site está em conformidade com a velocidade. Se há oportunidade em reduzir peso do site ou melhorar por exemplo o desempenho da hospedagem.

 

4. Publicações automáticas, lixo gerado pelo WordPress

Ao instalar e configurar seu site WordPress, seu respectivo tema e demais, a plataforma publica algumas páginas automaticamente para você iniciar a customização. Uma destas páginas é um post, o “Bem vindo ao WordPress”. É um post com texto padrão e que já vem publicado o que significa que esta página será indexada pelo Google se você não agir. Assim, vá em “Posts” e “Páginas” para verificar quais páginas podem ter sido instaladas automaticamente na instalação do tema ou do próprio WordPress. Como agir em cada caso:

Caso 1. Caso esta url já tenha sido indexada e esteja constando nos resultados de busca do seu site, despublique a página e providencie um redirecionamento 301.

Caso 2. Caso você tenha acabado de instalar seu WordPress, esta url não será problema. Basta despublicá-la e seguir sua vida! 😉

Continuando… vamos ao quinto e último item vital (deste artigo) quando falamos de SEO para WordPress:

5. Não deixe o ALT das imagens vazios

O WordPress é uma das plataformas mais fáceis para cadastrar o texto alternativo das imagens, o ALT, parâmetro vital para que os robôs Google consigam compreender do que trata-se tal imagem. Toda vez que realizar um upload, preencha este campo:

cadastrando alt das imagens no wordpress

Bom, estes foram os 5 pontos que fazem parte da nossa rotina e que precisamos saber, agir e gerir em sites WordPress. É claro que há muito mais, fique conosco e publicaremos mais dicas vitais para seu WordPress.

Este artigo foi útil para você? Dúvidas? Escreva pra gente! 😉

 

Para saber mais da relação do SEO com este plugin Yoast, não deixe de ler o artigo abaixo:

O plugin SEO Yoast para WordPress não é SEO


Aline Soares

Aline Soares

CEO and SEO Specialist at Canzar Aline Soares é Especialista SEO, Estrategista Digital, Publicitária, certificada Google Analytics, Google AdWords e especializações Google. Atua com produtos digitais com foco em performance, usabilidade e conversão. CEO/Founder da agência Canzar, empresa especializada em SEO, conversão e performance digital para negócios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *